Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BoaProva Blog

Blog do Prof.Perdigão. Desde 2007, notícias do BoaProva e comentários sobre educação e outros temas de relevância.

O maior valor da história? Não

Só para fazer um esclarecimento que tenho visto ausente: o dólar chegou à cotação de R$4,146 neste 23 de setembro. É a maior relação nominal entre real e dólar da história.

 

Mas ela não é a mais alta da história em termos reais. Os R$3,99 de 10 de outubro de 2002, corrigidos pelo IGP-M, valem R$9,82.

 

E a inflação do dólar de 2002 a 2015? É certo considerá-la. Refaçamos a conta, usando o Consumer Price Index (CPI), que foi de 32,5% no período.

 

Dividindo-se 9,82 por 1,325, temos 7,41.

 

Em suma, o dólar, no auge de 2002, chegou a valer o equivalente, hoje, a R$7,41.

 

Com esse novo valor, podemos ver que o real, hoje, ainda tem quase o dobro do valor que tinha em 2002 frente ao dólar.

 

Empresas brasileiras já migram ao Paraguai

E não é só em busca de mão-de-obra e energia baratas.

 

É por menos burocracia, por leis de incentivo ao investimento, por carga tributária coerente com a proteção social que um país em desenvolvimento pode oferecer.

 

Note-se, ainda, que não são multinacionais a migrar. São empresas 100% brasileiras, de empresários brasileiros que querem respeito, lucro e, por isso, cansaram da estática do Brasil.

 

O Paraguai é o paraíso? É lógico que não. Mas está numa espiral positiva de crescimento econômico, além de uma leva de políticos interessados em desenvolver o país, e não em ver o circo pegar fogo.

 

http://www1.folha.uol.com.br/fsp/mercado/232691-por-custo-menor-empresas-migram-para-o-paraguai.shtml

 

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D

subscrever feeds